sexta-feira, 23 de junho de 2017

Percurso Comentado e Dicas para a Meia Maratona Sesc de Revezamento :)


Opa!!!

Com alegria me dirijo a cada um de vocês, desejando que estejam bem, felizes e com a corrida em dia! Correr é exercício de alegria, de união e de festejar a vida! Então nesse post falarei sobre a Meia Maratona de Revezamento Sesc, naturalmente idealizada e proposta pelo SESC e com a organização da Hanker. No ano passado houve a corrida do SESC, mas sem essa modalidade de revezamento. O percurso é bem parecido, com algumas diferenças que apresentarei a vocês logo em breve. Eu estarei na "Corre Cerrado", mas não poderia deixar de escrever sobre esta corrida também. Pena que acontece no mesmo dia as duas.

Estamos numa época fria e acredito que fará um frio gostosa na largada, embora eu não conte muito com isso. Aqui em Goiânia ás 7h da manhã é uma coisa, ás 8h já é bem diferente, rs... A principal dica aqui fica por conta do aquecimento, principalmente se estiver um dia frio, caprichar nos exercícios pré-corrida. Sempre sugiro um trote leve por cerca de 10, 15 minutos antes da corrida intercalado com deslocamentos laterais. Já resolve bem. Falando em condições climáticas, vejamos a previsão do tempo para este Domingo em Goiânia.


Observem que entre ás 06h e 09h há previsão do tempo entre 15º-16º, o que sugere frio. Nesse momento então vale a ideia de aquecer muito bem, visto que a largada é a 7h30. Considerando um tempo médio de 2h para todos os quartetos e duplas, por volta das 9h é que o sol tende a dar as caras. Mas imagino que será aquele sol com vento frio. Hidratação aqui é fundamental, lembrando que a vontade de urinar sempre é maior em dias frios.

Então vamos falar de percurso. Tem somente um percurso de 5km que gostei bastante, pois boa parte dessas ruas eu corri com alunos (quando ainda atendia alunos de um condomínio próximo, atualmente não atendo mais nessa região) e também em corridas, como o "Largue o Cigarro Correndo". São ruas amplas, com grau de dificuldade pequeno, salvo na Av. Ipanema no começo, onde tem uma subida que não é íngreme, mas é persistente. Vamos então ver os percursos, na visão do www.plotaroute.com :

 
Observem no primeiro mapa que expus, que logo no começo da corrida há um traçado em vermelho, na Av. Ipanema. É o trecho de maior dificuldade, mas tem a vantagem de ser no começo. É um tipo de subida que não é elevada, mas ela persiste por um bom tempo, como se estivesse correndo na esteira com uma inclinação baixa. Quem for fazer os 10km, conserve bem agora, pois depois quando voltarem para a segunda volta, esse trecho pode ser mais pesado pois estamos no "meio" de prova.

No segundo mapa, observem a oscilação de altimetria. Conforme falei, começamos em subida, onde sugiro que façam dois km bem conservadores e depois podem aumentar o ritmo na maneira que se sentirem bem, pois teremos uma prova teoricamente em descida depois de passarmos pela Av. Ipanema. Se formos considerar todo o contexto de prova, o ganho de altimetria é moderado, permitindo uma prova rápida.

Por último, expus um quadro com informações mais técnicas onde a parte que mais nos interessa é o ganho de altimetria. Segundo o PlotaRoute, teremos cerca de 55m de ganho de elevação. Num contexto de uma prova de 5km não é muito significativo a ponto de achar que é uma prova dura não.

Agora, vamos dar uma olhada nessas fotos, para vocês imaginarem o percurso e para quem conhece a região, se situar melhor onde passará. Em ordem de aparição na prova, segue detalhado:

Largada até km1: Sesc Faiçalville//Av. Ipanema: Na quarta foto, entrando na Av. Ipanema, trecho com sensação de subida até chegar na Av. Rio Verde.


 
 
 Km1 - Km 2: Av. Ipanema//Av. Rio Verde: Metade do trecho em subidinha e depois alívio quando se chega na Av. Rio Verde.
 
Km2 - Km3: Av. Rio Verde//Av. Abaeté: No fim do km3, observem o Parque a direita. Lugar com excelente arborização e ar puro. Aqui, trecho tranquilo.

 
Km3 - Km4: Av. Nadra Bufaiçãl//Av. Madrid: Ótimo pedaço de percurso, podendo aqui desenvolver bom ritmo. Mas cuidado, logo que finalizamos o 4ºkm, pegaremos subidinha na Madrid. 

 

Km4 -Km5: Av. Madrid//Rua Taragona//A. Ipanema: Trecho com subidas, mas já é fim de prova para quem vai fazer somente os 5km. Para o pessoal que ainda vai dar mais uma volta, mantenha um ritmo estável. Deixe para forçar um pouco somente na segunda volta. Daqui, já vamos direto para o Sesc.
 
 
 

Como sempre digo, corram com alegria! Aproveitem a corrida e sempre tem mais por aí. Espero que gostem desse post e que eu possa ter ajudado um pouco. Fico sempre feliz de estar escrevendo de forma útil para todos vocês. Para finalizar, foto do kit e informações sobre a entrega.



 Grande Abraço!!

Com alegria!!

Professor Ricardo Carneiro
e-mail: ricardo.aesp@gmail.com






sábado, 17 de junho de 2017

Desafio dos Romeiros, percurso comentado :)


Oiii :) Tudo bem com vocês?!?!?! Todo mundo feliz e correndo? Preparado para mais uma corrida???
Vamos então conversar um pouco sobre esse desafio dos Romeiros... e olha que descrição bacana da organização:
 
"Consagrada como uma das provas mais importantes da região (..) mistura dedicação ao esporte com uma boa dose de gratidão e fé.(..) abre as festividades da Romaria do Divino Pai Eterno, em Trindade. A corrida será realizada dia 18 de junho, domingo, na rodovia GO-060, entre Goiânia e a Capital da Fé, contará com pessoas de todas as idades."

Vamos dar uma olhadinha em informações importantes, extraídos do regulamento da corrida:

Muitos de nós conhecemos esse percurso, independente de ter feito a famosa "Romaria" ou não. A única coisa que não gostei é o horário da largada ás 08h. É um horário pesado para quem irá encarar os 16km. Ano passado fiz os 7km e senti um pouco. Em relação a isso, os dias andam um pouco frios pela manhã, com vento, mas um sol que gosta de aparecer. Para esse post, fiz diferente. Tradicionalmente coloco fotos e tudo o mais. Ficaria uma coisa muito grande, visto que o percurso é em linha reta e os pontos de orientação sempre estão no lado oposto da pista, como a fábrica da Coca Cola, o Complexo Vale do Cerrado e outros. Vamos então dar uma olhada no percurso de 7km. Para você se orientar indo de carro, após passar a fábrica da Coca, pegue o primeiro retorno a esquerda.

7km


Pessoal, quem já fez esse percurso, sabe que há trechos pesados, com subidas bem acentuadas, mas com descidas iguais. Vou tentar explicar ao máximo onde estão os pontos de subida, onde devemos ter mais cuidado e onde devemos acelerar. É um percurso basicamente em linha reta. Antes de dar minhas considerações, coloco aqui o espelho da que eu fiz no ano passado.

A princípio, esses 7km dá para ser feito de forma rápida, concisa. O ganho de elevação não é tão significativo a ponto de causar medo exagerado não. Há subidas pesadas, mas são curtas. De um modo geral dá para desenvolver ritmo bacana nesse percurso. Eu senti bastante foi no km final, na famosa subida que antecede a chegada a Trindade. Mas a subida memorável desse percurso é que você pega ali no km 3. Há um formato de "U" nesse trecho e a subida é salgada. Para se situarem, no chão há a marcação dos kms, e deve estar ali no 9,5km de acordo com a marcação do chão. Eu considero essa a mais pesada. Esse é um tipo de corrida para curtir, de forma tranquila. Eu, de forma particular, utilizo essa corrida num ato de fé sempre agradecendo pelas graças em minha vida. A corrida tem uma representação significativa em minha vida e aqui eu alio o prazer em correr com a fé. Essa romaria sempre foi mágica e significativa em minha vida. Bom, vamos falar mais do percurso, né :)

Vamos dar uma olhada então no percurso de 16km, que farei nesse ano e aviso, é um percurso exigente...

16km

Esse percurso pode ser traiçoeiro.. Há pedaços de todo jeito. O ideal é correr sem pensar em RP.. Pelo horário, condições climáticas e relevo, não acho que seja uma boa você estourar a canela aqui. Vamos apenas curtir e ser feliz :)

Nos primeiros km, o trecho é basicamente plano, com leve aclive. O ideal para ir se aquecendo, encontrando um ritmo bacana. Depois dessa parte inicial, acredito que 2, 3km no máximo, perceba que haverá uma lombada eletrônica, mais precisamente, depois de duas passarelas de pedestres. Nesse ponto, começa um trecho bacana de declive, em que você pode desenvolver um pouco mais o ritmo. Mas cuidado, isso é só o começo de prova. Depois que você visualizar a próxima passarela de pedestres ( Esta tem o nome de Eng.: Paulo Cesár de Melo ), comece a estabilizar, pois o declive acaba e começa um trecho em aclive, mas leve. Repare que nesse ponto, se você não lembrar de ver, estaremos passando pelo Pite Clube, em que é possível visualizar no lado direito da pista. Essa parte de aclive acaba, quando passamos pela via primeira Via Sacra, que são aqueles muros do lado esquerdo da pista com figuras religiosas. Ali começa novamente um trecho misto de declives e aclives, mas prevalece mais declives. Pode desenvolver um ritmo seguro até o momento em que você passa pelo Complexo Vale do Cerrado, do seu lado direito, quando voltamos a ter aclive/plano. O bom momento acontece justamente depois desse ponto, onde passaremos novamente por mais uma via sacra, onde teremos um declive considerável, e mais a frente, um aclive igualmente considerável. Um "V" literalmente. Para nos situarmos, segue foto do local:

Lembraram? Ali tem uma subida também, que creio ser a primeira que realmente force nossas pernas. A subida só cede quando chegamos na próxima via sacra. Cuidado. É um trecho pesado e não vale a pena forçar tanto, pois nesse momento, estamos nos aproximando do meio de prova e chegando próximo a fábrica da Coca Cola no lado direito, onde irá ter a largada dos 7km. Aqui as dicas valem para todos, sendo que o pessoal do 7km sigam a mesma ideia de fazer os primeiros 2km de forma tranquila, aquecendo, sentindo o percurso.
Pessoal, essas dicas de hoje, eu quis mais que vocês imaginassem o percurso. Fica difícil memorizar tantas informações. Uma particularidade desse percurso é que boa parte dos aclives vem acompanhado de declives e vice versa. Há pontos planos, mas não predomina tanto. É um percurso desafiador, muito bom. Eu sempre gostei de correr nesta rodovia. Nos desafia o tempo todo. Tomem cuidado somente com os pontos de aclive acentuado. Planejem a prova considerando esse detalhe. Do mais, curtam essa prova!!

Vamos então dar uma olhada nas informações de retirada do kit e ver como será. Ah... as imagens que constam nesse post, são melhor visualizadas em PC. Ainda vou melhorar a versão "mobile". Grande Abraço a todos e nos encontramos lá :) :)

 


Professor
Ricardo Carneiro

www.ricardocarneiro.esp.br
ricardo.aesp@gmail.com













quinta-feira, 1 de junho de 2017

Dicas e percurso comentado para a corrida do circuito "Caixa" - Goiânia



Oi!!! Nesse final de semana tem corrida! Como estão todos? Em paz? Preparado para mais uma corrida, para curtir essa explosão de adrenalina e alegria? Falar dessa corrida me trouxe boas lembranças e algumas chegaram a doer, rs... Corrida memorável que participei em 2016. A Caixa traz a Goiânia essa corrida, que faz parte do Circuito Caixa e esse ano, salvo engano ainda trará mais duas corrida uma no estilo "cross" e outra noturna.
Então vamos conversar sobre essa corrida, que será nesse Domingo, com largada as 8h15 para todos e um pouco mais cedo, as 8h, largada para os atletas de elite patrocinado pela Caixa. Normalmente sempre vem um estrangeiro com "calibre". Um Queniano, ou Etíope.
Antes de adentrar sobre os percursos, como de costume, coloco a previsão do tempo e já alerto... Estamos nos aproximando de períodos secos, o que alerta para uma hidratação eficiente. Esse horário da largada já não é tão bom para todos nós e sempre prevejo dificuldades com o calor nessa corrida. Detalhe muitíssimo importante, cheguem cedo ao local do evento. No ano passado as filas de carro que se formaram, aliado com estacionamentos em locais mais distantes da largada, geraram um pouco de transtorno.

Vamos então ver como São Pedro planeja nossa manhã de Domingo:

O tempo anda meio maluco aqui em Goiânia esses dias, com sol de manhã, com nuvens... Mas Domingo, se permanecer a lógica, será um dia de sol e fica-se na torcida para que se tenham muitas nuvens pelo menos.
Neste último final de semana que antecede essa corrida, corri na região do Paço Municipal acompanhando o Silvio, meu aluno e um detalhe que chamo a atenção é que boa parte do trajeto é debaixo de sol!! Vale a pena investir no protetor solar hein. Aliás, todos os dias!!

Percurso, impressões pessoais.

Quando eu tenho treinos de subida, ou preciso de locais com altimetria significativa para treinos mais intensos, sempre recorro as famosas ruas que cortam por dentro e/ou rodeiam o Alphaville. Na minha opinião um dos locais que se você estiver afim de sofrer, está no lugar certo.  Embora o local seja familiar, essa corrida da Caixa em 2016 era um percurso novo. Lembro até hoje do sol, do corpo queimando, das dificuldades na subida do Alphaville. Esse tipo de percurso é desafiador, exigente e é preciso que se tenha cautela. Não vale ali abraçar o mundo no começo da corrida e pagar o preço depois. Tomem bastante cuidado com a estratégia de prova. O que mais me preocupa em corridas assim é a junção desses fatores: Horário da largada, Sol e subidas. Combinação sempre muito feliz né, rsrsrs.
Vamos ver o percurso que está no site da organizadora e depois os meus, destrinchados e feitos a partir do www.plotaroute.com.


5KM
Inicialmente, o percurso que fiz, de forma independente, mais ampliado e posteriormente discutido.

 
Esse percurso é um tanto desafiador. Se observarem bem a altimetria, perceberão que é um V. Prova para se tomar cuidado, onde você tem a primeira metade tranquila e depois que faz a rotatória na descida do Alphaville, o sofrimento começa. Ou seja, é como se você estivesse navegando tranquilo, curtindo brisa e de repente percebe que tem de voltar ao mundo, rs..Depois da boa descida a prova permanece em subida e se mantém em dificuldade praticamente até o fim. Não é prova para quebra de recordes. É prova para sentir o desafio e fazer de maneira extremamente prudente. Observe nesse mapa que coloquei, que é melhor visualizado no Pc, que há várias linhas em vermelho, que é indicativo de onde tem subida. Está bem colorido esse mapa então, né? Vamos então dar uma olhada nas fotos do local?

KM 0 – KM 1: PAÇO MUNICIPAL//AV.PL 2: Na saída do Paço Municipal tem uma subidinha na rotatória, mas curta. Nesse primeiro permanece mais tempo no plano e sem variação de trecho, uma vez que faremos somente uma curva a direita, para prosseguirmos.
 
 

KM 1 – KM 2: AV. PL 2: Logo após entramos a direita, seguimos novamente em linha reta praticamente, com trecho relativamente plano no começo, com aclive bem leve. Mas logo depois da  no final desse trecho, descida bem generosa. Lembro sempre que mais vale a técnica de uma passada correta na descida do que correr desenfreadamente.
 
 
 
 


KM 2 – KM 3: AV. PL 2//AV. PL 3: Nesse ponto contornamos a rotatória e pegamos o outro lado da avenida. Nesse momento é que mora o perigo dos que fizeram o km anterior no "pau". Cuidado, essa subida é insossa. Seguiremos o mesmo caminho do km anterior, com a diferença que faremos uma curva depois que você passa do Condomínio Alphaville, onde no quarteirão seguinte faremos um pequeno trecho na Avenida PL 3.

 
 
 


KM 3 – KM 4: AV. PL 3// AV. PL 2: Nesse trecho que começa logo depois que entramos na PL 3, começa um trecho tranquilo de recuperação depois da subida forte. Basicamente plano, é o momento ideal de ir desenvolver um ritmo cada vez mais consistente, para podermos ir bem no km final.
 
 
 


KM 4 – KM 5: AV. PL 2// PAÇO MUNICIPAL: Reta final de trecho basicamente plano, mas prevalece um aclive leve. Final de prova é para usar todo o gás. A idéia que se tem aqui é para ir aumentando sempre um pouco mais quando mais se aproxima do final. Esse trecho passa do outro lado da Avenida PL 2, onde passamos no trecho anterior e no começo da corrida. No "Gran Finale", desça a lenha! Aí vale até estourar a canela para ser feliz, rs.

 
 
 


Esse percurso de 5km agrada por ser em pistas largas, sem muitas curvas. A maior dificuldade está na subida que se apresenta ali ao lado do Alphaville. Nesse momento, a experiência, prudência sempre falam primeiro. E um detalhe muito importante!!!! É debaixo de sol viu... mas vamos torcer para um tempo mais frio e com um chuvisquinho... Apesar dessa previsão que coloquei.. há a possibilidade de um dia com tempo fresco e propício para a prática de atividade física no horário que será essa largada, ás 8h.

10KM
Vamos dar uma olhada nos mapas que fiz?

 

Essa prova, como me disse, me trouxe recordações dolorosas. Desafiadora, subidas muito sentidas. Observem os traços em vermelho no mapa. Assim como dos 5km, não é prova para RP. É prova para curtir, com tranquilidade e consciência. Exageros nessa prova, custam  a sua chegada tranquila. Na Avenida Olinda, embora "insossa" o caminho de volta, pelo menos temos sombra. O que ameniza o calor corporal. Minha maior dica é na hidratação e consistência de ritmo. Não tentem competir com os outros. Compita consigo mesmo, respeitando seus limites. O ganho de altimetria é muito significativo, ainda mais que nessa distância, terá duas subidas muito exigentes. Vamos então observar as fotos e algumas considerações trecho a trecho. O trecho de 10km casa com o de 5km então coloco aqui fotos do trecho exclusivo de 10km.




KM 2 - KM3: AV. PL 2//RUA PLH 4: Terminando a subida ao lado do Condomínio Alphaville, entramos na primeira a direita, ao contrário da turma dos 5km, que irão um quarteirão adiante ainda. Nesse trecho, temos subida considerável, aliviando somente quando entramos na Rua PLH 4. Considero essa parte o primeiro grande desafio para a turma dos 10km. Vale aqui prudência. 





KM 3 - KM 4 - KM 5: RUA PLH 4//AV. OLINDA// AV. PL 9: Nesses 2 km considerei tudo, pois praticamente teremos uma reta durante todo esse percurso. É momento de estabilidade, de se recuperar da subida que tivemos no km anterior. Você começa o km 3 saindo da rua PLH 4 e entramos na Av. Olinda onde iremos praticamente contornar todo o Alphaville. Seguiremos sempre ao lado do muro até chegarmos na AV. PL 9, onde entramos a direita. Nesse trecho, temos sempre declive, com destaque para a descida boa no fim. Talvez seja o melhor trecho da prova pois poderemos desenvolver um ritmo bacana, com tranquilidade e ir acelerando um pouco. Mas cuidado, penso que não seja o momento de ir muito rápido, pois o trecho seguinte é todo em aclive, se caracterizando como o mais pesado dessa corrida. Administre bem a empolgação desse trecho de descida.
 
 
 


KM 5 - KM 6 - KM 7 - KM 8: AV. PL 9//AV. OLINDA: Nesse trecho não consegui imagens da rua que vira no Alphaville, então começo as fotos somente a partir da rotatória, mas nada que prejudique a nossa análise. Esse trecho eu considero o mais duro da prova pois estaremos sempre em aclive, embora vá diminuindo um pouco ali pelo km 7 Quando avistarmos o posto, iremos fazer a curva para fazermos a volta e entrarmos nos últimos 2 km de prova. Tentem manter um ritmo consistente, nada muito pegado. A ideia aqui é estabilidade, sem forçar. Exagerar aqui é garantia de um final ruim.
 
 
 
 
 


Os últimos dois km são os mesmos do percurso de 5km. Prevalece a análise que fiz inicialmente. Nesses últimos km estaremos com certo desgaste, o que é natural. Portanto, é fundamental que você se hidrate e cuide bastante, pois acabamos de passar por um trecho complicado. Mas finalizando essa análise, lembrem sempre de correr com um sorriso no rosto! Divirtam-se bastante!!

E para fechar, foto do kit! Grande Abraço a todos!


  • RETIRADA DE KIT 
Loja CENTAURO - Flamboyant Shopping Center - Av. Jamel Cecilio, 3300

Dia 02/06/2017 das 10:00h às 20:00h ou dia 03/06/2017 das 10:00h às 17:00h

 Não serão entregues Kits no dia da prova, nem após a mesma.

  •  RETIRADA DO CHIP

 - 7:00 às 8:00 horas: Retirada do chip de cronometragem (Geral 5 e 10Km).

Fique atento ao horário de retirada do seu chip de cronometragem, para que você não se atrase e possa aproveitar a prova da melhor maneira.

A única coisa que reclamo antes é sobre esses chips serem entregues no dia da corrida. Em tempos como esse em que há a possibilidade do chip vir colado número de peito, acho uma mancada eles ainda fazerem esse tipo de serviço.

Agradeço a todos que acompanham meu blog, sempre torcendo para que esteja ao agrado de todos. Grande Abraço a todos vocês!!

Professor Ricardo Carneiro
Treinador, feliz e corredor :)
WhatsApp.: 62 99603 1088
e-mail: ricardo.aesp@gmail.com