quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Dicas para a Corrida Dia de Saúde UNIMED :)



Oiiii!!!

Agora sim começamos 2017! Com todo o roteiro prometendo um ano melhor do que o outro! Tudo sussa? Todo mundo com alegria e tênis queimando borracha no asfalto? Com alegria e satisfação, escrevo mais uma postagem para vocês, escrevendo um pouco sobre essa Corrida da UNIMED, que acontece dia 18/02, Sábado, com largada prevista para as 19h. Salvo engano, se trata da primeira grande corrida da Capital nesse ano de 2017.

Vamos lá então conversar sobre esse evento, que além de corrida, vai realizar também corridinha infantil e a caminhada de 3km. Tem tudo para ser uma bela festa em família :)

Sigo com a mesma idéia de construir um conteúdo que seja fácil de ler, com leitura rápida e dinâmica, expondo os percursos e dicas gerais para a corrida. A opinião de vocês sempre é muito valiosa! Espero que gostem :)

Estamos em uma época chuvosa, com temperaturas amenas. Penso que ainda permanecerá assim por uns dias. Um fator que é extremamente positivo é o fato da corrida ser a noite, facilitando a prática esportiva, se considerarmos que estará fresco e sem o castigo do sol. Portanto, vale lembrar que é em um Sábado. A maneira como você se comporta durante o dia se traduz na hora da corrida a noite. Procure descansar, fazer refeições leves e se hidratar bem durante o dia. Vejamos como é a previsão do tempo para este dia:

Consultado em 15/02. Fonte: www.climatempo.com.br


Está com idéia de chuva... Vamos nos preparar bem... Se chover, deixa chover e vamos lavar a alma!!!

Antes de ir para os percursos, uma análise geral. O percurso base é o dos 5km, com a diferença somente de extensão para a Marginal Botafogo para a turma dos 10km e 15km. Consultando a altimetria através do www.plotaroute.com, prevejo uma prova com considerável nível de dificuldade. Antes de tudo é fundamental um aquecimento bem caprichado, que pode ser um trote, exercícios educativos ou alongamentos dinâmicos. Mas vá já para a prova bem aquecido e pronto para imprimir um ritmo bacana desde o começo.

Nessa prova, como já começaremos em plano/descida, há uma tendência no calor da empolgação ir rápido demais. CUIDADO! Logo que a turma dos 5km chega na Marginal, já desvia para a Av. D, aquela que dá para o MP-GO. Ali a prova começa, com subida não muito elevada, porém persistente. A prova tem essa característica de manter-se com considerável grau de dificuldade. Esse é o tipo de prova que se preza pela coesão, manutenção de ritmo estável. Nada de tentar tiros, aproveitar brechas para tentar diminuir tempo. Caso você esteja em um dia muito favorável, se sentindo bem, deixe para tentar imprimir um ritmo mais forte nos últimos 1,5km quando você está rodeando o Estádio Serra Dourada.

Para a turma dos 10k e 15k se faz necessário administração da resistência, cuidando para não exagerar na Marginal Botafogo, onde teremos um pedaço de prova praticamente plano. Nessa hora como é um trecho praticamente reto e sem inclinações significativas, há uma tendência em querer ir rápido por motivos diversos, inclusive para mudar a "paisagem". Provas com trechos longos em Avenidas e similares costumam ser tediosas ás vezes, fazendo com que a gente exagere um pouco. Como eu disse lá, a prova apresenta desafios depois que você sai da Marginal Botafogo. Observe atentamente a altimetria dos percursos, de forma que você entenda que a metade final é a mais sentida.

Então vamos dar uma olhada nos percursos? Vejamos primeiro o de 5km, com fotos extraídas do Google Maps.



KM 00-01: Estádio Serra Dourada//Rua 77//Avenida A: Trecho plano e descida. Cuidado com a empolgação aqui..
 


KM 01-02: Marginal Botafogo//Avenida D: Na Marginal segue tranquilo. Enquanto a turma de 10 e 15k segue pela Marginal, vocês farão o desvio aqui na Avenida D. Aqui você começa a perceber que a prova apresenta a primeira dificuldade, com uma subida significativa.

 


KM 02-03: Avenida Fued José Sebba: Nesse trecho permanece a subida, que persiste por toda a Avenida, dando um alívio quando fazemos a conversão em direção a lateral do Goiânia Arena.

 


KM 03-04: Estádio Serra Dourada: Trecho com oscilações. Nessa hora, vale a prudência.

 


KM 04-05: Estádio Serra Dourada: Trecho com maior tranquilidade, se considerado os km anteriores. Aqui, caso você se sinta bem, senta o bete. O trecho permite uma melhora significativa de ritmo.
 
 

Adoro desafios e essa prova traz isso.. Vamos então observar o percurso dos 10km. Para essa turma, haverá um trecho de ida e volta na Marginal, sem desvios, por 5km. Nesse trecho como disse anteriormente, vale prudência e calma. Na altura do km 6,5 aproximadamente, voltamos e pegamos o percurso base, o mesmo da turma de 5km. O retorno na Marginal Botafogo para a turma dos 10k acontece ali depois do viaduto da Av. Anhanguera, como vocês podem ver as fotos. Observe ainda, a altimetria.

 

Para a turma dos 15km, continuamos mais a frente, fazendo o retorno ali próximo do fim da Marginal Botafogo, aproximando da Av. Goiás. Para os corredores dessa distância, faremos um trecho de quase 10km na Marginal Botafogo. Quem almeja recordes pessoais, pode usar esse trecho para imprimir um ritmo bom, mas sabendo dosar, pois qualquer desgaste aqui é sinal de fracasso, quando voltarmos para pegar a primeira subida na Avenida D. Planeje sua corrida em dois momentos, sendo os primeiros 10k, depois os últimos 5k. Atenção para a altimetria também.

 

A Marginal Botafogo se apresenta praticamente plana, com oscilações discretas ao longo do percurso. Quem fez a prova da New Balance no ano passado sabe que esse trecho não apresenta dificuldades tão grosseiras não.

E, para fechar a construção desse post, fotos do kit :) Um Grande Abraço a todos!! Simbora moer fogo na canela!! Feliz demais por voltar a escrever e finalmente recomeçar o ano com as nossas corridas :) Muito Obrigado a todos que lêem esse post :) Sou grato a cada um de vocês!!



Professor Ricardo Carneiro
Ricardo.aesp@gmail.com